Mosteiro das Irmãs Clarissas celebra 30 anos de presença na Diocese de Colatina

31

Nesta semana, o Mosteiro Santíssima Trindade celebra 30 anos de fundação e instalação da presença orante das Irmãs Clarissas na Diocese de Colatina, no Espírito Santo.

No dia 26 de maio de 1991, dia da Solenidade da Santíssima Trindade, há exatos 30 anos, deu-se a instalação oficial do mosteiro em uma solene liturgia celebrada na Catedral Sagrado Coração de Jesus, em Colatina, pelo então bispo diocesano, Dom Geraldo Lyrio Rocha.

Dom Geraldo, juntamente com as irmãs fundadoras do mosteiro, irmãs Maria Teresinha, Maria Socorro, Maria de Fátima e Maria Josefina (em memória), e seguidos de uma multidão de fiéis, dirigiram-se ao mosteiro provisório, que ficava na Rua Adwalter Ribeiro Soares, para a introdução do Santíssimo Sacramento. Iniciou ali, naquele momento, um percurso conduzido pela graça de Deus que hoje, três décadas depois, relembramos com júbilo.

Mosteiro e sua importância

Um mosteiro contemplativo constitui um dom para a Igreja. Com seu rosto orante, torna mais plena e significativa a presença da Igreja missionaria. Uma comunidade monástica pode ser comparada a Moisés que, na oração, decidiu a sorte das batalhas de Israel.

De ânimo livre e hospitaleiro, com a ternura de Cristo, as monjas trazem no coração os sofrimentos e as ansiedades daqueles que recorrem à sua ajuda, incluindo todos os homens e mulheres.; e com a sentinela que vigia a noite à espera da aurora. O mosteiro representa a própria intimidade de uma Igreja, o coração onde o Espírito geme e intercede continuamente pelas necessidades da comunidade inteira, e donde se eleva sem cessar a ação de graças pela vida que ele concede cada dia. “As irmãs são como que as amigas do paralítico que o levam a Jesus”.

Fazemos nossas as palavras do Papa Francisco para dizer: “Sem vós, queridas Irmãs Clarissas, que seria da Igreja e de quantos vivem nas periferias humanas e trabalham nos postos avançados da evangelização? A Igreja olha com muito apreço a vossa vida inteiramente doada. A Igreja conta com a vossa oração e imolação para levar aos homens e mulheres do nosso tempo a boa notícia do Evangelho. A Igreja precisa de vós!”

Louvado sejas, ó bom Senhor, pelas Irmãs do Mosteiro Santíssima Trindade, presente de Seu Coração para nossa Diocese de Colatina!

Fonte: Diocese de Colatina

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui