Regional CFFB SP emite mensagem em virtude da pandemia COVID-19

179

Download

Queridos irmãos e irmãs da Família Franciscana do Regional de São Paulo,
Paz e Bem!

A situação que o mundo vive neste momento com a pandemia do COVID-19 vem nos desafiando muito, mudando nossos hábitos e, de certa forma, nos tirando da zona de conforto. É tempo de exercer a virtude do cuidado.

Temos acompanhado durante este tempo de pandemia a preocupação do Santo Padre Papa Francisco, assim como de grande parte de nossos superiores, comunidades, fraternidades, colégios, paróquias e espaços de vivência do carisma, os quais que têm mudado seu ritmo e buscado se adaptar à nova realidade de trabalho e de evangelização, utilizando por instrumento as mídias sociais.

Três são os objetivos desta: o primeiro deles é comunicar a todos os irmãos e irmãs de nosso Regional que nossas atividades do primeiro semestre estão suspensas (Celebração de Abertura dos 800 anos da Regra da Ordem Terceira; Encontro de Cantos Franciscanos), devido à orientação da Organização Mundial de Saúde e do Ministério da Saúde, bem como da CNBB e demais órgãos e autoridades comprometidas com à saúde e a vida.

O segundo objetivo é reforçar nosso desejo de ser família, que caminha em sintonia com cada um dos irmãos e irmãs, franciscanos e franciscanas deste Regional e pedir-lhes, “beijando-vos os pés”, que cuidem de todos aqueles que o Senhor nos confiou, irmãos de fraternidade, familiares, amigos, colaboradores, estudantes, paroquianos e, de maneira muito especial, os mais empobrecidos, dos quais, sabemos, não têm a quem recorrer e aos quais o Senhor ama preferencialmente.

Lembramos e agradecemos a todas as pessoas que, mesmo colocando-se em situação de risco, continuam providenciando os serviços básicos para a população mais vulnerável, dentre os quais os profissionais da saúde. Estejamos atentos às necessidades de todos que estão próximos a nós, e lembremos da nossa responsabilidade para com os idosos, os doentes, os desempregados, as populações em áreas precarizadas, os refugiados, as pessoas em situação de rua, os indígenas.

Sugerimos aos que podem contribuir com algum tipo de doação financeira, como gesto concreto, que ajudem o trabalho urgente do Vicariato do Povo de Rua da Arquidiocese de São Paulo que, coordenado heroicamente pelo padre Júlio Lancelotti, vem acolhendo e cuidando da população em situação de rua, muito exposta a ser infectada pelo vírus. Destacamos este trabalho, por termos acompanhado a seriedade e profetismo dele, bem como porque a população em situação de rua se encontra de modo muito vulnerável neste momento, quando pedem para ficar em casa, eles não tem casa, pedem para lavar as mãos, eles não têm água e até as praças estão sendo fechadas, carecem de produtos de limpeza e com as cidades todas fechadas, não tem encontrado nem trabalho nem alimento. Os depósitos poderão ser efetuados na conta bancária:
Paróquia São Miguel Arcanjo
Banco Bradesco: Agência 0299 – Conta corrente: 034857-0
CNPJ 630898250097/96

O terceiro ponto e não menos importante, o qual queremos registrar por força do profetismo intrínseco à nossa vocação, é nosso repúdio a todo e qualquer pronunciamento e ação que atente contra à promoção e proteção da vida, e negue o cuidado da saúde e da vida em primeiro lugar. Precisa-se proporcionar uma renda mínima emergencial aos milhões mais desfavorecidos, o que fará a economia das famílias se manter neste grave tempo. Pois o coronavírus é de alto contágio e é necessário o isolamento social, a higiene e o fortalecimento dos atendimentos de saúde, para não nos levar a uma explosão da epidemia, como já têm se vivido nos países europeus, que inclusive tem altos investimentos na saúde. A vida de todos, assim, é defendida por nós cristãos católicos e neste ano motivados, de forma especial, pela Campanha da Fraternidade, comprometidos com a defesa e cuidado da vida de todos e da mais frágil.

Em comunhão com as orientações da CNBB, reafirmamos que o momento é de seriedade, serenidade e proteção, mantenhamo-nos em oração e guardando uma quarentena responsável, não há sistema econômico que supere a importância da vida humana, dom de Deus.

Que a Senhora da Conceição Aparecida, Santa Clara e o Seráfico Pai São Francisco nos abençoem e nos protejam neste tempo adverso, para gerarmos mais fortemente um amor genuíno em todos nossos corações e construirmos uma nova realidade de justiça, paz e fraternidade.

Sororal e fraterno abraço,
Regional da Conferência da
Família Franciscana de São Paulo
Março de 2020 – PAZ E BEM!

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui