Paróquia Santa Clara de Imbariê celebra o Espírito de Assis

263

“É preciso paz pra poder sorrir” – com este trecho da canção “Tocando em frente” de Almir Sater, a Paróquia Santa Clara de Imbariê buscou inspiração para realizar a celebração sobre o diálogo inter-religioso intitulada Espírito de Assis. Todos os anos, no dia 27 de outubro, a referida Paróquia busca realizar esse encontro para permanecer vivas as intuições de Francisco de Assis, que há 800 anos buscou apaziguar uma guerra através do diálogo com o sultão Malek-al-Kamil. Nessa esteira, o Papa João Paulo II, no dia 27 de outubro de 1986, procurou realizar um encontro com líderes religiosos em busca de diálogo e paz, e a esse momento intitulou “Espírito de Assis” pois o mesmo aconteceu na cidade de Francisco e sob a inspiração do mesmo.

Assim, a celebração na Paróquia aconteceu num clima agradável e leve. Num primeiro momento foram acolhidos os representantes de outras religiões ou Igrejas Cristãs presentes. Em seguida, a paroquiana Siomara Azevedo contextualizou a importância da celebração, bem como seu histórico. Para tornar ainda mais plástico para todos, dois jovens da paróquia encenaram o encontro de Francisco com o Sultão, tendo como cenário uma tenda.

Para inserir uma dinâmica leve no encontro, todos os presentes foram divididos em pequenos grupos intitulados “tendas”, fazendo memória a esse espaço onde foi encenada o encontro de Francisco e o Sultão. Os participantes formaram a sua tenda, não de tecidos e outros objetos, mas de corações desejosos a vivenciar um clima de paz. Nas tendas os envolvidos fizeram dinâmicas de apresentação, reverência ao outro, reflexão, partilha e anotações das principais intuições numa cartolina.

Para finalizar, cada representante de uma religião ou Igreja Cristã presente fez uma prece agradecendo pelo encontro. Estiveram presentes irmãos e irmãs representando a Igreja Católica, a Igreja Ortodoxa Antioquina, a Umbanda, o Espiritismo e as Igrejas Evangélicas Pentecostais. Que o bom êxito do encontro, que gerou um clima de fraternidade, respeito e alegria, possa permanecer na Paróquia Santa Clara e infundir ainda mais valorosos frutos de tão nobre celebração, que visa estabelecer a paz na região da Baixada Fluminense, especialmente diante de tantos casos de intolerância religiosa que precisam ser debatidos e evitados através do respeito e do diálogo.

Frei Gabriel Dellandrea, O.F.M. e Pascom da Paróquia

Fonte: Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui