Porta estreita

426

“Entrai pela porta estreita, porque larga é a porta e espaçoso é o caminho que leva à perdição, 
e muitos são os que entram por ele! Como é estreita a porta e apertado o caminho que leva à vida! 
E são poucos os que o encontram!” (Mt 7, 12-14)

Quando lemos que larga é a porta que leva a perdição, pensamos nas coisas mundanas. Mas devemos pensar em nós, em nossas atitudes.

É pela porta larga que saem os nossos julgamentos, nossas atitudes arrogantes, nosso desamor, nossa ganância em querer ser mais, em querer ter mais… é esta porta que nos leva à perdição, e está em nós mesmos. A porta estreita é a porta da nossa conversão, de nos voltarmos para nós mesmos, de analisar e vigiar nossas atitudes, de nos colocarmos no lugar do outro, de sentirmos em nós suas fraquezas e desalentos que tanto julgamos. E por isso Jesus nos fala que tudo o que queremos que os outros nos façam, devemos fazer para eles. Quem de nós quer o próprio mal? Mas somos tão pródigos nas condenações…. Realmente, a porta que leva à vida é apertada e estreita, pois nos leva a refletirmos sobre nós mesmos, deixando para Deus o poder de julgar, o poder de condenar. 

Que esta passagem Evangélica seja uma luz a nos guiar e orientar durante toda nossa caminhada para o Pai, preferindo a porta estreita da libertação interior.

(Ir. Mírian Simon)

Fonte: http://www.franciscanas.org.br/noticias/porta-estreita/

 

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui