Entrevistamos Patrícia Antunes, assessora do ERFRAN

510
Patrícia Antunes, natural de Patrocínio – MG, graduada em Engenharia Ambiental e Geografia, com Mestrado em Engenharia Civil. Atualmente é professora do Instituto Federal e da Rede Privada Superior. É animadora Laudato Si’ pelo Movimento Católico Global pelo Clima buscando ampliar o envolvimento das comunidades católicas com o compromisso proposto pela Encíclica Laudato Si’, na busca de um meio ambiente equilibrado e sociedade mais justa. Também é Conselheira do Comitê de Bacia Hidrográfica PN1 representando a  Ação Franciscana de Ecologia e Solidariedade (AFES).
Está em formação na Ordem Franciscana Secular (OFS), iniciando um grupo na cidade de Patrocínio – MG, orientado pela Fraternidade Monte Alverne de Patos de Minas, no entanto a vivência franciscana se amplia, com estudos e aprofundamento do carisma por mais de 3 anos.
O ERFRAN é um tempo de encontro, partilha e reflexão. Quais as suas expectativas diante da oficina ou momento que irá assessorar?
A proposta é desenvolver nos participantes uma visão integradora do meio ambiente e sociedade, de modo a reconhecer nossa responsabilidade perante o cuidado com nossa casa comum. O momento será de partilha de conceitos referentes a questão ambiental e interpretação da Encíclica Laudato Si’, bem como prática de ações necessárias que podemos aplicar em nossas comunidades. É importante salientar que temos o compromisso de desenvolver a consciência socioambiental em nossas comunidades e para isso, é fundamental conhecer experiências e ações concretas que já são positivas, de modo a repensar os verdadeiros valores pelos quais devemos lutar.
Quais as particularidades do tema de sua oficina para a vida Religiosa Consagrada que tem Francisco e Clara como espelhos de caminhada?
A oficina é pautada na Encíclica Laudato Si’, escrita por Papa Francisco, no qual trabalha toda a relação homem e meio ambiente analisando os aspectos mais relevantes e impactantes da sociedade atual. São temas integralmente relacionados ao carisma franciscano, no qual promovemos a verdadeira integração com toda a criação, valorizando a vida e sociedade, refletindo e questionando o atual modelo de desenvolvimento baseado no consumismo e desvalorização humana.
Para quem ainda não realizou a sua inscrição e até mesmo para quem já realizou, poderia fazer um convite motivacional para este momento tão esperado?
Convido a todos os religiosos franciscanos e franciscanas a participarem desse importante momento que representa o ERFRAN, salientando seu compromisso com a Fraternidade e o carisma Franciscano, de modo a contribuir para uma sociedade mais justa e fraterna integrado a questão ambiental. Venha, pois será um momento de partilha de experiências fundamentais para uma profunda reflexão sobre nosso modo de vida em sociedade e nossas vocações, com a valorização de toda a criação.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui