Missa Votiva dos 200 anos da morte de Frei Galvão

209

Dia 25 de outubro a Igreja celebra Santo Antônio de Sant’ Anna Galvão, o primeiro dentre os brasileiros a receber as honras dos altares (2007). O ilustre filho de Guaratinguetá, depois de 83 anos de vida, retorna para a casa do Pai no ano de 1822. Sendo sepultado no Mosteiro da Luz, na capital paulista.

Para este ano jubilar, foi escolhido como tema o trecho da Oração pela paz, de São Francisco de Assis: “É morrendo que se vive para a vida eterna”. Com essa temática todos serão conduzidos a refletirem acerca do mistério pascal na vida de Santo Antônio de Sant’ Anna Galvão. Considerando os duzentos anos de sua morte.

Sendo assim, para celebrarmos a fé na ressurreição, o Santuário Frei Galvão, situado em Guaratinguetá – SP, traz aos fiéis uma missa votiva dos 200 anos, partituras com cantos próprios, um folheto de cantos e o Hino ao bicentenário.

Que a Igreja do Brasil, ao celebrar o primeiro Santo Brasileiro, torne-se a grande testemunha da caridade e da paz.

Que Santo Antônio de Sant’Anna Galvão interceda por todos os fiéis devotos.

 


Folheto da Missa do Bicentenário de Morte de Frei Galvão

Clique aqui para acessar o arquivo em PDF.

Fonte: franciscanos.org.br

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui