Serviço de Animação Vocacional/Pastoral Vocacional suscita cultura vocacional em 2022

419

O Serviço de Animação Vocacional/Pastoral Vocacional (SAV/PV) traz presente várias iniciativas, propostas e encaminhamentos para que se possa bem viver e se trabalhar em prol das vocações. Nesse sentido, o portal da CNBB conversou com o atual coordenador nacional do setor, padre Marlon Malacoski, que falou sobre as perspectivas e prioridades do SAV/PV para 2022.

Padre Marlon enfatizou o caminho de preparação para o 3º Ano Vocacional que acontecerá no ano de 2023, mas que já em novembro de 2022 terá o seu início. “Muitas iniciativas, muitas coisas já estão sendo preparadas, organizadas. Temos uma equipe muito ampla que faz um trabalho junto à Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da CNBB e também junto a outras Comissões da entidade”, disse.

O Ano Vocacional começa no dia 20 de novembro de 2022, na Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo, Dia dos Cristãos Leigos e Leigas e Jornada Diocesana da Juventude. A Comissão Central do Ano Vocacional de 2023 escolheu o tema “Vocação: Graça e Missão” e o lema “Corações ardentes, pés a caminho” (cf. Lc 24, 32-33).

São quatro as comissões de trabalho para o Ano Vocacional, além da Comissão Central. A Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da CNBB, é a coordenadora geral. Das quatro comissões de trabalho, uma é a responsável pela produção de subsídios. As demais estão responsáveis pelo Texto-base (comissão teológica), Liturgia e Comunicação.

Mês Vocacional

Padre Marlon também apontou a preparação para a celebração do mês vocacional, em agosto de 2022. Ele contou que está sendo elaborado um subsídio, o Hora Vocacional, e que em breve estará disponível.

O Mês Vocacional de 2022 terá como tema “Cristo Vive! Somos suas testemunhas” e lema “Eu vi o Senhor!” (Jo 20,18).

“E também já estamos nos preparando para o Dia Mundial de Oração pelas Vocações, que será celebrado no quarto domingo de maio, dia da Páscoa”, contou.

Além disso, o Serviço de Animação Vocacional tem desenvolvido vários trabalhos e iniciativas em parcerias com várias outras instituições, algumas delas são a Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB); o Instituto de Pastoral Vocacional (IPV); a Revista Rogate e, principalmente, junto às escolas vocacionais. O objetivo das parcerias, segundo padre Marlon, é pensar em um trabalho mais amplo, mais dinâmico, com um EAD, que será desenvolvido a partir do final deste ano, onde o foco será o estudo na área vocacional.

“Diante disso também há o fortalecimento das equipes vocacionais paroquiais, que também tem sido uma grande preocupação nossa”, disse.

Outro ponto lembrado por ele foram as Diretrizes do Serviço de Animação Vocacional/Pastoral Vocacional. “As Diretrizes estão sendo pensadas e desenvolvidas para que possam abranger todo esse aspecto da cultura vocacional”, revelou.

Em linhas gerais, padre Marlon enfatizou que o Serviço de Animação Vocacional continuará sua caminhada em 2022 sempre recordando a importância de rezar pelas vocações e de divulgar nas redes sociais, nos meios de comunicação a cultura vocacional.

“Por isso nosso trabalho tem sido desenvolvido nesse sentido de fortalecer cada regional; a equipe regional de animação vocacional que está sempre em sintonia com as outras pastorais, organizações e movimentos para que juntos possamos construir a cultura vocacional”, finalizou.

Fonte: CNBB

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui